Cursos "In Company"

ASSESSORIA EXTERNA

Aplicamos palestras/cursos onde forem necessários.
Já atendemos clientes em todo o país.

Clientes já atendidos:
  • Aeroclube de Londrina
  • Aeroclube de Birigui
  • América do Sul Serviços Aeronáuticos
  • Câmara Municipal de Cotia
  • Cirrus Aircraft - Jundiaí
  • Empresa Flydoc - Goiânia
  • Empresa Flyer - Sumaré
  • EMBRAER - S.J.dos Campos
  • Brigada Militar do Rio Grande do Sul
  • Escola Paranaense de Aviação
  • J.P.Martins - São Paulo
  • LABACE - São Paulo
  • NAT/NEP - Rio de Janeiro
  • PETROBRAS - Búzios-RJ /Salvador-BA
  • Polícia Militar de Santa Catarina
  • Universidade Anhembi Morumbi
  • Universidade Brás Cubas
  • Universidade São Judas Tadeu

 

Cursos "In Company"

No momento atual, a aviação geral volta a procurar profissionais bem capacitados. Portanto, faculdades ou escolas de aviação, aeroclubes ou grupamentos policiais poderão ser de extrema utilidade se souberem atender essa demanda de atualização técnica.  

Oferecemos estes dois cursos de curta duração, isentos de obrigações de aprovação pela ANAC, mas que podem elevar o conhecimento dos clientes dessas instituições por meio do programa "In Company".

  • Curso de Navegação Avançada VFR: Sabemos que os espaços aéreos vêm se tornando, cada dia, mais complexos, quer seja com a introdução de novos e detalhados corredores visuais, novas zonas de defesa aérea. Ou ainda diversos espaços aéreos condicionados, de classe C ou D, somados às novas obrigações de preenchimento de planos de voo. Adicione-se a isso tudo, a existência de aeroportos monitorados, onde a operação deve ser previamente aprovada, além da fiscalização mais intensa (e oportuna), por parte das autoridades aeronáutica e policial nos aeroportos. O piloto que voava VFR em espaços de baixa complexidade pode se sentir inseguro em seus deslocamentos, diante de cenários cada vez mais técnicos. Por isso, achamos oportuno oferecer um curso focado na necessidade de conhecer e interagir com os diversos recursos e entes que o envolvem. Motivo pelo qual passamos a descrever o curso proposto:
    • Plano de voo VFR: Quando preencher e quando não. Planejamento da rota, alternativas, informações do campo 18, utilizando a internet ou não.
    • Tarifas aeronáuticas: Os preços das operações, quem são os entes fornecedores de serviços aeronáuticos e como conhecer seus preços. Como reduzir custos com tarifas.
    • Espaços aéreos: Espaços controlados e não controlados, as classes dos espaços mais utilizados e as obrigações reciprocas, as características dos espaços C e D. Os corredores visuais e suas características.
    • Segurança das operações: A metodologia dos cinco “P” (Pilot, Plane, Plan, Passenger, Programming). A metodologia de CRM Solo e os cuidados adotados por um piloto que voa sozinho.
    • Navegadores portáteis: A operação correta de navegadores GNSS. A programação inteligente e os cuidados com base de dados. 
  • Curso de IFR PBN: Em 1991, a 10º Conferência de Navegação Aérea da ICAO definiu a restruturação dos espaços aéreos em todos mundo com a adoção de um novo sistema de comunicação, navegação e vigilância, que ficou conhecido com sistema CNS-ATM. O prazo para implantação da primeira fase em todo mundo foi estabelecido em 2020. A partir dessa data, nos EUA ninguém poderá decolar se já não estiver adequado a ele.  No Brasil, o DECEA vem implantando, com rapidez, inúmeras modificações nos espaços aéreos, nas cartas de navegação, regras e fraseologia. A navegação PBN (Performance Based Navigation) é o vetor mais proeminente dessa nova era. Conhecer suas características é fundamental para os pilotos que pretendam voar IFR PBN, em rotas RNAV e RNP. Por isso, o curso é útil para os que possuem habilitação IFR e pretendam voar aeronaves com painéis digitais.
    • A metodologia PBN: As rotas e procedimentos RNAV e RNP. Diferenças da rádio-navegação.
    • Orientação PBN: Recursos tecnológicos, embarcados ou não, para orientação aos navegadores RNAV. O GNSS, o sistema Inercial, o RNAV por VOR/DME. A aeronavegabilidade PBN.
    • Aumentação PBN: os recurso de aprimoramento de precisão de navegação, embarcados ou não. O ABAS, o SBAS e o GBAS.
    • Estudo de procedimentos RNAV: Os diversos modelos de procedimentos de aproximação RNAV, dentre eles: RNP APCH, LPV, ILS RNAV, APV c/ Baro Vnav, e o RNP APCH “AR”.
    • Navegadores GNSS homologados: Familiarização com os Garmin GNS430, GTN 750 e G1000. Praticas em sala de aula, onde cada cliente pratica em seu próprio notebook em acompanhamento as orientações do professor.

Para preços e condições de oferecimento, consulte nvtec@nvtec.com.br